Pedido de Noivado | Carolina e Paulo

Hello Noivinhas de Evasê!!!

Para começar a semana com muito amor e com inspiração para os casais (namorados, né? 🙂 ) que ainda não fizeram aquele famoso pedido, tenho uma história de amor linda, aquelas super românticas de casais que se encontraram cedo e estão juntos crescendo, aprendendo, amadurecendo e construindo uma vida juntos. Com vocês o pedido de casamento da Carolina e do Paulo!!!

Tudo começou com uma amizade de adolescência. Eu e o Paulinho nos conhecemos na igreja que frequentamos desde criança. O tempo passou e descobrimos que nossa amizade estava se tornando o início de um grande amor. Não era apenas um amor passageiro entre dois adolescentes de 16 anos, mas um amor escolhido por Deus e em Novembro de 2006 eu e o Paulinho começamos a namorar. Hoje, juntos há mais de 8 anos, temos cada dia mais certeza de que Deus nos fez um para outro e aos poucos temos realizado juntos os nossos sonhos com uma história de muito amor, companheirismo e felicidade.

Com o passar dos anos o assunto casamento já era muito falado por nós, queríamos muito isso e já fazíamos planos sobre as possíveis datas. Claro que como toda mulher sempre sonhei com um pedido de casamento especial, mas nunca imaginei que ele conseguiria esconder e fazer uma surpresa sem que eu suspeitasse. Mas me enganei, porque ele conseguiu!!!

O pedido.

Era uma sexta-feira, dia 15 de Agosto de 2014 (meu aniversário!!!) o Paulinho foi até a minha casa para comemorarmos junto com a família. Chegando lá ele me levou flores e junto uma cartinha, mas não era uma carta como as que ele costuma fazer, pois ele sempre faz todas lindas e muito caprichadas (ele gosta de criar as cartinhas que me dá). A carta estava com muitas marcas de tinta borrada à caneta, escrita com letra feia (sei que a letra dele não é a mais linda, mas nesse dia ele superou rs) e um texto bem simples. Na hora fiquei triste e brava, porque pensei – não acredito, é o meu aniversário e ele fez tudo tão corrido assim? – como ele me disse que jantaríamos juntos no dia seguinte, tentei relevar e não falar nada (claro que falei um pouquinho rs). Então ele me pediu desculpas e disse que no dia seguinte, nosso jantar seria especial e eu ficaria feliz. Ok! Até aí sem nenhuma desconfiança!

No dia seguinte fomos jantar em um restaurante em SP que ele já tinha me levado e eu amei! Durante o caminho, dentro do carro, ele me disse que havia bebido dois copos de água antes de sair e por isso estava muito apertado, mas isso foi citado o caminho inteiro hahaha adivinhem minha cara! Chegando no restaurante sentamos e ele foi ao banheiro. Fiquei sozinha lendo o cardápio sem desconfiar de nada rs. Quando ele voltou colocou a jaqueta de couro que ele vestia na cadeira (e o anel estava no bolso da jaqueta e detalhe: dentro da caixinha e eu não percebi nada hahaha). Começamos a jantar, conversar, rir… Mas percebi que ele estava meio tenso e jantou rápido me dizendo que estava satisfeito, porque tinha comido pipoca antes de sair hahaha. Não acreditei… Tudo bem até ter tomado dois copos de água antes de sair, mas comer pipoca? Quem faz isso antes de jantar pra comemorar o aniversário da namorada? Eu sei!!! Alguém muuuuito nervoso rs!

Eu continuava não desconfiando de nada, apesar das atitudes esquisitas dele!!! Depois de jantarmos ele me disse: “fiz uma cartinha pra você” então eu pensei: “que lindo, fez isso, porque sabe que eu não gostei da carta de ontem rs” ele me disse que estava na carteira dele. Peguei a carteira e ao ver a cartinha, logo de início me deparei com um pequeno papel dobrado e as iniciais dos nossos nomes… Ao abrir estava escrito: “Você acreditou que eu não te daria um presente de aniversário? Na verdade não quero te dar apenas um presente, quero te fazer uma pergunta… “

Neste momento o mundo parou, meu coração batia mais acelerado do que tudo e não sentia minhas pernas no chão! Quando percebi ele já havia dado a volta na mesa e estava ao meu lado segurando minha mão com uma caixinha aberta me dizendo: VOCÊ QUER SE CASAR COMIGO?

Eu não acreditava, estava tão nervosa, não esperava por isso. Então disse o melhor e mais certo SIM da minha vida. Fiquei muito emocionada, mas nem conseguia chorar rs. Durou pouco, porque quando entrei no carro desabei no choro e foi assim o caminho inteiro da volta. O choro que simbolizava uma alegria indescritível!!! Dizer SIM para o homem da minha vida foi a melhor decisão que eu tomei. Eu sempre soube que ele seria o meu SIM!!!

Iremos nos casar em Dezembro de 2015 e com certeza será maravilhoso viver ao lado do homem da minha vida!!!

Pedido de Casamento

noivado carolina e paulo

Pedido de noivado

Carol amei o seu pedido de noivado e ri horrores de todas as desculpas do seu noivo para que você não suspeitasse do grande pedido.

Fica a dica para os namorados convidarem as namoradas para um jantar romântico. Mas amiga se ele contar que tomou muita água e comeu pipoca: suspeite!!! 🙂

E que venha o dezembro da Carol e do Paulo!!!

Deixe seu comentário