Mini wedding praiano | Monalisa e Kaio

Hello Noivas e Brasil. Vamos começar nossa semana com muito amor, leveza, cores e a brisa do mar. O mini wedding praiano da Monalisa e do Kaio foi lindo, transbordando amor, emoção e alegria de familiares e amigos por testemunharem a união do casal. O amor da Monalisa e do Kaio começou muito por acaso, mas arrebatou os dois. Decididos a construírem uma vida juntos, passaram a organizar o casamento e a Monalisa que até então nunca foi de sonhar com festa de casamento, se viu tomada pelo desejo de celebrar esse dia, com uma festa que fosse a cara dos noivos. Precisava que fosse na praia, precisava que o cenário fosse ao ar livre e com o mar ao fundo. Precisava que não chovesse e ela conta absolutamente tudo sobre a história de amor dos noivos e como foi casar ao ar livre num dos meses surpreendentemente mais chuvoso na cidade do sol

História de Amor

Nos conhecemos em 2013 em um evento na igreja, não trocamos palavras, porém em meio a dezenas de pessoas foi um rosto que ficou marcado, nada de mais, apenas memória fotográfica. Quando nos víamos sabíamos que era aquele rapaz/moça daquele evento. Devido ao grande número de amigos em comum, acabamos nos tornando amigos no Facebook, éramos apenas colegas, não tínhamos muito contato, apesar de ter muito contato com algumas pessoas da família dele e os melhores amigos também faziam parte do meu círculo de amizade.

Faço Direito e Kaio estuda para concursos e costumava publicar coisas a respeito do que estava estudando no momento. Eu sempre curtia, mas raramente comentava as publicações, em uma das raras vezes que comentei, de imediato ele puxou assunto no inbox e passamos a noite conversando coisas paralelas, o que se tornou normal durante uns dias. Até que no dia do fenômeno da Superlua fui convidada para ir prestigiar com ele e nossos amigos, aceitei e disse que nos encontraríamos no local combinado e próximo do horário ele ligou, perguntou meu endereço disse que era caminho e que passaria pra me pegar. Aceitei, pois até então sabia que iria num grupo de pessoas. Chegando no local, não tinha ninguém nos esperando, comecei a perguntar e respondi “eles deveriam estar aqui”, depois de horas: NINGUÉM! Fomos em busca de um local para comer, conversamos muito, rimos bastante. Hoje damos boas risadas, pois desde do início não havia combinado com mais ninguém para nos esperar, não passou de um “golpe”. Depois desse momento começamos a sair com nossos amigos. Em poucos dias percebi que a presença dele me agradava além de uma amizade. Procurei não demonstrar nada até que ele me surpreendeu e me pediu em namoro. Achei loucura, claro! (a melhor de toda minha vida).

O Pedido

Passado um ano de namoro, amo registros e marcamos um ensaio fotográfico com Eliber Luna, que fez parte da nossa história desde o início. Durante nosso ensaio ele ajoelhou, tirou as alianças do bolso e me pediu em casamento. Apesar de falarmos em casamento e saber que iríamos começar a nos preparar em breve, achei que tudo aconteceria de maneira formal, na presença de nossa família, mas ele conseguiu surpreender.

Os Preparativos

Nossa história não tem nada normal, após o noivado, casamos em 5 meses, foi uma grande maratona, pois não abríamos mão do dia 14, que foi o dia que começamos a namorar. Para decidir o mês foi de acordo com o local, nunca sonhei com cerimônia, recepção, vestido e todas essas coisas que compõe uma celebração de casamento, o que sabia era “quero que nossa bênção seja concedida na praia, na presença de um juiz de paz e viajar”. Até que conheci Kaio e as coisas foram tomando maiores proporções. Após o noivado e o início da assinatura de contratos, as pesquisas foram aprofundando e sonhamos um pouco mais. Então, pesquisamos o mês que tivesse menos chuva, para que o casamento pudesse ser realizado na praia como desejado. Fomos muito ousados e queríamos algo totalmente ao ar livre, o mês de menos chuvas seria abril ou teríamos a opção de esperar o próximo ano. Kaio estava morando em outro estado e isso colaborou a decidir pelo mês de abril.

Após a escolha da data, fomos em busca da locação, pesquisamos muitos, visitamos muitos locais não conseguimos nos agradar, as propostas apresentadas eram muito urbanas, hotéis ou recepção que já tinham cara de evento, mesmo sendo locações na praia. O que queríamos era algo simples, mas que sem deixar de ser lindo e passar a ideia de que de fato estávamos na praia, foi quando achamos a Bossa Pousada Boutique, paixão à primeira vista, batemos o martelo e decidimos que seria lá mesmo.

Chegou o mês do casamento e as chuvas. Todos os dias parecia que a chuva não teria mais fim. Como toda noiva paranoica passei olhar a previsão do tempo para a data e era de muita chuva. Desesperei-me porque não tinha a opção de um plano B. Na semana do casamento abracei de verdade a música da minha entrada que foi Dia Branco – Geraldo Azevedo, que diz:

“Eu lhe prometo o sol
Se hoje o sol sair
Ou a chuva
Se a chuva cair…”

Fiquei tão calma que nem me reconheci e adotei a ideia de que estivesse chovendo, casaríamos na chuva e nosso casamento não deixaria ser abençoado e lindo por isso. Na sexta-feira, as 24 horas que antecediam o casamento continuava chovendo. Ao amanhecer o grande dia, acordei e ouvi um forte barulho de água, fechei os olhos novamente e pensei “vou  dormir mais, porque não quero nem ver”, ao fundo ouvi minha mãe pedindo para minha sobrinha abrir a cortina e verificar se estava chovendo muito ou pouco, quando ela abriu NÃO ESTAVA CHOVENDO NADA!! O barulho era o MAR. Em baixo estava posta nossa mesa de café da manhã a beira-mar e o sol mais lindo que já vi na vida! Muita gratidão a Deus por ter nos dado um presente tão maravilhoso e ter colocado pessoas que foram além de prestadores de serviço. Todos interagindo conosco, nos acalmando, ligando e dizendo “Vai dar certo”, sem o otimismo deles talvez na semana do casamento ainda estivesse muito aflita.

O Grande Dia e Momentos inesquecíveis

Impossível descrever, foi muito além de tudo que imaginava para o dia. Se fosse para resumir em uma palavra, sem dúvidas seria: gratidão.

Estava sozinha no quarto parecia ser o ápice da ansiedade, de repente meu pai abre a porta do quarto para me buscar. Nesse momento ouço a voz do meu noivo a cerimonialista entra em seguida e conta que de fato era o noivo que estava cantando enquanto entrava, foi impossível contar as lágrimas.

A cerimônia

O momento mais importante seria de fato a cerimônia. Aquele era o momento em que deixaríamos de ser dois para tornarmos um só. Na presença de poucos amigos e família. Nossa cerimônia foi realizada pelo pai do noivo, tornando impossível ser um momento mais intimista. Foi uma cerimônia rápida, descontraída e única, especialmente para nós.

 

Com um casamento tão lindo e cheio de amor, a noiva deixou uma dica muito especial para quem está organizando o grande dia e com tantas dúvidas e inseguranças.

Dica da Noiva

Ouçam outras pessoas, mas não deixe que seu sonho seja contrariado, faça tudo mais parecido com o que sonha, se organize e participe de cada detalhe, por horas pode parecer estressante, mas quando passar vai perceber o quanto foi prazeroso. Invistam em bons profissionais para registrar seu evento, tudo de acordo com seu orçamento e sua realidade, mas lembre-se que quando o grande dia passar restarão apenas lembranças, eternizem o momento. Todos os dias olhamos fotos e suspiramos “como foi lindo NOSSO momento”

Muitíssimo obrigada a Monalisa e ao Kaio por compartilharem o casamento no Noiva de Evasê e inspirarem outras noivas e casais. Felicidades aos recém casados.


Guia Noiva de Evasê

Cerimonial: Sonhos Cerimonial e Eventos | Vestido da Noiva: Atelier Thiago Almeida


Fornecedores desse casamento
Por questão de direitos autorais, o blog Noiva de Evasê tem a obrigação legal de citar o profissional de fotografia.

O blog gentilmente publica a lista de Fornecedores desse Casamento, a qual foi solicitada aos noivos e enviada por eles, constando os profissionais que os mesmos indicam.

Cerimonial: Sonhos Cerimonial | Vestido da noiva: Thiago Almeida | Roupa damas: Thiago Almeida | Grinalda: Lilian Pacheco Flores e Festas | Acompanhamento make durante a festa: Débora Miranda | Lua de mel: Chile (organizada pelo noivo) | Porta guardanapo: Noiva | Beleza da noiva (cabelo e maquiagem): Frank Souza | Bolo do casamento: Graça Cândido | Buffet: Buffet Lharissa Gurgel | Buquê de flores: Lilian Pacheco Flores e Festas | Caixetas p/ docinhos: Espaço Digital | Calígrafo: CALIGRAFIA em convites - Pris  | Celebrante: Ivanildo Barros Dias (pai do noivo) | Chocolates: Maria Chocolate | Chuva de prata: Haja Luz | Convite: Espaço digital | Cerimônia e Recepção: Bossa Pousada Boutique | Decoração da Cerimônia e Recepção: Lilian Pacheco Flores e Festas | Dia da noiva e noivo (local): Bossa Pousada Boutique | Docinhos e chocolates: Maria Chocolate e Chica Bolos | Figurino do noivo: Rutra Brasil | Filmagem: RL Short Filmes | Fotografia: Elieber Luna | Guardanapos personalizados: Noiva | Iluminação: Haja luz | Lembrança dos padrinhos: chapéu de praia personalizado | Lembrança das madrinhas: madrinhas e amigas de honra bolsa de praia com uma carteira de palha (comprado em Fortaleza) | Lembrança de pajens e damas: bolsa de Praia | Música da celebração e festa: Projeto Acústico Musical | Placas com frases: Sonhos Cerimonial | Projeto de decoração da festa: Lilian Pacheco Flores e Festas | Robes: Super Intima | Suporte das alianças: Mercado Livre | Sapato da noiva: Schutz | Sapato do noivo: Rutra Brasil  | Convite padrinhos: Espaço Digital | Lágrimas de alegria: CALIGRAFIA em convites - Pris | Som: Alisson Santana | Movéis: Suporte Festas

 

Deixe seu comentário