Noiva: padrões de beleza e a importância da autoestima

Comecei e recomecei esse texto algumas vezes. Talvez porque falar sobre seus próprios demônios seja difícil ou porque reconhecê-los seja ainda mais complicado. E aí mais uma dúvida surge e dessa vez da parte de quem está lendo: o que isso tem a ver com autoestima das noivas?

Tenho uma tendência que pode ser considerado o sonho de muitas. Enquanto quase todas as mulheres sonham em ser magras, sempre fui e nunca fiz esforço para tal. Sou do tipo que por qualquer motivo emagrece. O que não significa que eu esteja sempre saudável. Nem sempre corresponde aos fatos, o estereótipo de que o corpo magro implica em saúde. Tenho colesterol alto desde os 22 anos, precisei tomar remédio durante um tempo e para me livrar da escravidão de remédios, segui a grande dica do meu endócrino: faça atividade física e dieta. Foi então que comecei a praticar corrida e procurei uma nutricionista para uma reeducação alimentar específica para o meu caso.

E estava tudo muito bem. Taxas e peso ok! 52kg estava excelente para minha altura (vou arredondar para 1,60cm, tá certo? 😉 ). Até que fiquei noiva em 2011 para casar em 2012. E começou minha neurose com peso e meu corpo.

Eu queria alcançar um padrão Kate Middleton de cintura e não medi esforços para isso. Parei com o muai thay que fazia na época, pois não queria músculos, queria magreza. Corria todos os dias, até nos finais de semana e fiz uma “dieta da minha cabeça”, sem qualquer acompanhamento, cerca de 1000 a 1200 calorias por dia. Se atingisse a “meta” de calorias do dia, passava o resto do dia tomando chá verde. Completava esse “estilo de vida” com muita drenagem e massagens modeladoras.

Faltando 15 dias para o casamento, no que seria uma última prova do vestido, a estilista teve que refazer toda a parte de cima do vestido e disse: pare de emagrecer. Na minha cabeça aquilo foi ótimo. A gente recebe um “você está magra” como um elogio, não é mesmo? Mas não deve ser assim.

E se consegui meu objetivo? Casei com a imagem que queria, pesando 49kg, 60cm de cintura e posso dizer que minha salvação foi a data do meu casamento!!!

Todos os sinais estavam lá, mas hoje percebo que quem está às voltas com algum distúrbio, alguma neurose, obsessão, enfim.. não sei como nomear, simplesmente não percebe. O primeiro estalo de que o que fiz era errado, foi uma queda gigantesca de cabelo. O meu penteado de noiva era um coque imenso que tinha além de aplique, enchimento com palha de aço (sabe mil e uma utilidades?). O cabeleireiro disse que meu cabelo estava caindo além do normal e disse para procurar um dermatologista. Na lua de mel me permiti voltar a comer normal, porém “comida demais”, me causava náuseas e muita indisposição, pois foram muitos meses comendo quase nada. Quando voltei de viagem fui novamente ao cabeleireiro para dar um jeito no meu cabelo ralinho e, mais uma vez, ele disse que não estava bom e meu cabelo estava com muitas falhas. Fui num dermato e diante da grande queda e estado de calamidade do meu cabelo, ele fez várias perguntas para saber a causa daquilo e disse que parecia desnutrida. Eu, ainda cega, disse que tinha sido o estresse do casamento.

Como disse, a data do casamento foi minha salvação, saí daquele espiral que se durasse mais alguns meses, não sei como acabaria. Apesar de todas as evidências e avisos, só fui assimilar a loucura que fiz quando, ao rever minhas fotos de noiva com uma colega do trabalho e indagar se algum dia conseguiria aquela cintura novamente, ela foi enfática na resposta: “- Não. Você parou de comer! ”

Essa frase ficou dias martelando na minha cabeça. Relembrei toda a minha trajetória neurótica em busca de um padrão de beleza, um ideal que para ser uma noiva bonita, tinha que ser magra. E logo eu que dou dicas para que as noivas usem aquilo que as favorece de acordo com o corpo e biotipo de cada uma.

Sempre orientei minha vida para que tivesse um corpo e vida saudável e defendo que dietas e reeducação alimentar devem ser utilizadas para ter saúde e bem estar.

Se você é noiva e quer ficar bem no grande dia, procure uma equipe que cuide de você da sua saúde física e mental. Faça suas massagens, seus tratamentos estéticos, mas você não precisa se encaixar num padrão, não precisa caber num vestido, não precisa ter a cintura de ninguém que não seja a sua.

O vestido de noiva que deve se adequar em você, às suas formas e seus contornos.Seja uma noiva linda e esteja bem consigo mesma. Não busque uma perfeição ilusória que pode lhe custar sua saúde.Hoje estou muito bem tomando o meu vinho nos finais de semana, comendo o que quero e gosto (sempre de olho no colesterol) e não tenho e nem quero a cintura de Kate Middleton. Tenho a minha que me faz feliz.

Originalmente escrito para o blog Futilidades

Hegley Beauty Artists | Guia Noiva de Evasê

Hello Noiva de Evasê e Brasil !!! Tenho o maior prazer de anunciar que Hegley Souza, que comanda o Hegley Beauty Artists faz parte do Guia Noiva de Evasê, um time selecionado de fornecedores comprometidos em realizar e abraçar o seu sonho de noiva e transformá-lo em realidade no dia do casamento. O salão de Hegley Souza conta com uma equipe super qualificada, competente e dedicada para fazer de você uma princesa para o grande dia. Tenho certeza que vocês conhecem bem o trabalho dele, pois inúmeras noivas que passaram por pelo Noiva de Evasê, também passaram pela mão desse talentoso profissional, que inclusive já participou de eventos do Noiva de Evasê (relembre aqui) .  A missão desse post é apresentar o trabalho de Hegley de Souza para noivas de todo o Brasil e afirmar que o Noiva de Evasê aprova e indica esse profissional incrível.

Hegley de Souza

Hegley começou a trabalhar em 2007 e hoje é especialista em mechas, corte, maquiagem, penteado e noivas! Ele se define como um fanático pelo mundo da beleza e moda e assim sua inspiração surge naturalmente:

“O mundo da beleza me fascina e me encanta cada dia mais, por isso busco sempre estar por dentro das novidades! Todos os anos procuro me atualizar com os melhores profissionais do Brasil, com quem troco ideias e aprendo sempre mais, o mundo da beleza está sempre se reinventando e precisamos sempre estar atualizados!”

Sobre a satisfação em realizar o sonho de cada noiva, Hegley conta:

“Ver minha cliente satisfeita e minha arte ser traduzida nela da maneira que ambos imaginamos, isso é gratificante e realizador! Arrumar noivas vai além da arte que praticamos, é realizar sonhos, é participar desse dia tão importante junto com elas. É gratificante deixá-las esplêndidas, além de nosso trabalho se eternizar em seu álbum fotográfico, é sempre um imenso prazer!”

O Noiva de Evasê aprova e indica com muita satisfação o trabalho de Hegley de Souza e o Hegley Beauty Artists e para entrar em contato imediatamente com a equipe, acesse o Guia Noiva de Evasê e solicite seu orçamento sem qualquer custo. O seu sonho está prestes a ser tornar realidade.


Guia Noiva de Evasê

Beleza da Noiva: Hegley Beauty Artists


Fotografia: Camila Bandeira

 

Beleza do Golden Globes 2018

Hello mulherada, Hello Brasiiiiill. E vocês achavam que eu não iria falar sobre make e cabelo das musas dos red carpet do Golden Globes 2018? E um detalhe me chamou bastante a atenção no tapete vermelho do Globo de ouro: a naturalidade das produções de beleza. o tapete vermelho do Globo de Ouro 2018 foi marcado pelo manifesto Time’s Up.

Elas estavam de preto em razão do movimento Time’s Up, que simboliza a luta contra o assédio e a discriminação no ambiente de trabalho e a desigualdade salarial entre os gêneros e contra o abuso e assédio sexual. Apesar dos vestidos e modelos de uma cor única e do peso do manifesto, elas estavam sim divas, com vestidos grifados, joias caríssimas, mas a sensação que tive foi que a sobriedade ficou por conta da maquiagem leve, privilegiando a beleza natural de cada uma.

Também percebi menos intervenções, rugas mais aparentes e não tem problema em ter rugas e envelhecer. Do mesmo modo que também não tem nada demais usar os avanços da estética em prol do bem estar e autoestima. Mas não precisamos ser reféns da juventude eterna e nem precisamos disso. Não há crime em envelhecer, o problema é não viver e curtir a vida em sua plenitude. Dito isso vamos as belezas e produções mais marcantes.

Como amei essa ondas do cabelo de Katherine Langford e os acessórios no cabelo. Eu queria usar já. Também amei a sombra prata esfumada com chumbo e o batom cremoso cor de boca.

 

Saoirse Ronan com make nada, mas tem um blush coral acontecendo nessas bochechas, mas amei esse cabelo que parece estar curto e todo puxado para trás. Não faz muito sucesso com as brasileiras, né nom? Mas ame mesmo assim.

Angelina Jolie com make up discretíssima para ornar com o brinco de milhões. Como menos é mais e a elegância está na harmonia. Tá linda e inspiradora.

Amo Lilybeth, na verdade Clare foy que faz a rainha Elizabeth II em The Crown. Tem toda uma pele construída aí, mas com suavidade, um blush também levemente marcado num mix de coral e bronzer, muita máscara para cílios e esse batom vermelho dando o up final do visual. Também amei o cabelo todo puxado para trás.

Heidi Klum toda de make up dourada e bronzer, mas sem pesar na dose.

O que eu falei a vocês sobre ter rugas e não ter problemas com isso. Taí Jessica Biel linda e poderosa com suas marcas do tempo. É natural e normal, pessoas vivas envelhecem. Na make tudo bem natural para compor com as joias Bulgari e batom rosinha.

Kate Hudson usou make up leve e batom mauve para equilibrar com o vestido deslumbrante e decotado .

Penelope Cruz outra diva madura e segura de si com make up suave, sombra dourada e batom cor de boca.

Houve um tempo que todos ficaram meio chocados com o excesso de intervenções estéticas de Nicole Kidman, não foi? Eu achei ela mais natural, não só a make up, mas me parece que ela deixou o excesso de lado e resolveu assumir com naturalidade a passagem do tempo. Ponto para ela que está mais leve e bonita.

Nada contra intervenções, aplicações e creminhos. Tenho os meios e acho que tudo isso é importante para nossa vaidade e autoestima, mas deve ser natural e algo a nosso favor e que não nos deixe desfigurada ou com outra cara. A beleza também está no equilíbrio.

E que venha o próximo tapete vermelho.