Paris Fashion Week | Zuhair Murad

Na semana de alta costura em Paris, com todos aqueles vestidos mega exclusivos de estilistas renomadíssimos, a gente sempre se pergunta porque não tirou na mega sena da virada. Mas sabe aquela máxima de que olhar não custa nada? Além disso informação e atualização com tudo o que está acontecendo sempre é importante. Então, não tem como deixar passar um desfile de Zuhair Murad na Paris Fashion Week e desejamos ansiosamente conferir esses vestidos em mulheres reais ou quase nos próximos tapetes vermelhos.

E sempre podemos nos inspirar e conferir o que mais cedo ou mais tarde será traduzido para a vida real. Talvez os termos “alta costura” e “vida real” não combinem na mesma frase. Mas o que importa é conferir esse deslumbramento de vestidos.

Sobre a coleção o estilista Zuhair Murad disse: “Tenho muito respeito pelas culturas nativas. Sem eles, não estaríeamos aqui. Eles nos deixaram um patrimônio ilimitado de arte e beleza “. Com essa frase fica mais do que clara a inspiração étnica da coleção de primavera da alta costura do libanês. O designer buscou referências nas culturas dos nativos americanos e das primeiras nações.

O simbolismo e o vocabulário visual das culturas nativas americanas, os Sioux, os Navajos e os Iroquois em particular, estão impressos nos modelos através de pictogramas geométricos e suas formas hiper femininas, franjas e uma paleta de vermelho, branco, ouro e preto.

Você vai desejar esse mistura de luxo com arte étnica, plumas, penas e brilho. Vem ver.

 

Como finalizamos um desfile desses? Com uma noiva luxuosa, indígena e étnica. Vem ver.

Vem mega sena da virada!!!

Paris Fashion Week | Elie Saab

O que dizer de um dia que começa com desfile do muso e estilista libanês Elie Saab? Um dia perfeito, não é mesmo? Essa semana está acontecendo a semana de alta costura de Paris (Paris Fashion Week) e hoje tivemos desfile do designer dos brilhos, luxo e feminilidade Elie Saab e os modelos foram tudo aquilo que a gente espera do estilista: muito brilho e vestidos que são joias.

E já que sonhar não custa nada e referências e inspirações para vestidos de madrinhas, convidadas e mães de noivos nunca é demais. Vamos conferir os destaques do desfile.

A trilha sonora do desfile remetia a um clima de anos 20, depois anos 50, uma coisa meio jazz, meio art deco e o que vimos foi muita plumas, mas muuuuito mesmo; cinturas marcadas pelos indefectíveis cintos finos e uns laçarotes bem exagerados, que provavelmente fazem parte do styling do desfile.

As cores trabalhadas vão do champanhe, passando pelo rosa seco, um tom meio pêssego, azul, vermelho e preto e ainda uma mistura de preto, branco e dourado.

Além de muitas plumas, também temos muitos modelos mulets que são esses vestidos assimétricos, curto na frente e com essa “cauda” na parte de trás.

Detalhe para os acessórios como clutchs com plumas e outras mais estruturadas e os sapatos com plástico transparência.

O desfile não poderia encerrar sem uma noiva resplandecente como as borbulhas do champanhe e eu desconfio que nem uma mega sena da virada pagaria esse vestido de noiva, mas não custa nada ver e sonhar. Confere.

E para finalizar tem vídeo para conferir tudo em movimento e com a trilha sonora para sentir o clima, proposta e inspirações da coleção de Elie Saab.

Os looks do SAG Awards 2018

Hello noivas, Hello Brasil, Hello mulherada!!! Ontem aconteceu mais um red carpet e teve cobertura em tempo real, com enquetes no stories (que ainda estão acontecendo, vota lá) no instagram @noivadeevase.

Esperava mais desse tapete vermelho? Sim. Teve um momento que achei melhor ir dormir, mas como sou brasileira e não desisto nunca, fiquei até o fim seguindo a recomendação da enquete e do voto das seguidoras, que votaram pela esperança de um vestido que nos arrebatasse. Confesso que não houve nenhum look baphônico e trouxe a maioria dos vestidos para que vocês analisem qual seria o melhor ou o pior.

No quesito beleza, como destaquei na foto acima, percebe-se o predomínio da makeup leve e suave. Somente Nicole Kidman e Allison Williams investiram no batom vermelho e vinho, que sempre acrescentam um glam na produção. Mas vamos aos looks?

Começando por uma das apresentadoras do Red Carpet. Gostei bastante do vestido com listras da Giuliana Rancic, que tem uma leve transparência e ela está com hot pants.

Esse vestido de Allison Williams é um milionário Ralph & Russo, que está com o monopólio do tapete vermelho, que tinha tudo para ser um escândalo de lindo, mas algo não está funcionando e acredito que é esse tomara que caia muito chapado e sem movimento. Mas adoraria ter grana para ter um desses. Quem mais?

Amei o batom vinho!!!

Tracee Ellis Ross com vestido Ralph & Russo, sapatos Christian Louboutin, clutch Jimmy Choo e joias Lorraine Schwartz. O look é bastante inspirador para mães de noivos. O branco é uma cor que tem sido bastante usada em tapete vermelho. Para a realidade dos casamentos, imagina esse vestido numa outra cor e ficaria bem lindo para madrinhas e mães de noivos. 

Alison Brie com vestido Dundas e sapatos Jimmy Choo. Gostei da cor, mas não curti esse raio furta cor numa pegada anos 80. Acredito que seria um arraso num baile de carnaval, mas no tapete vermelho não funcionou. Coloquei no post porque carnaval tá chegando e pode ser uma inspiração pra você 🙂

Kristen Bell, apresentadora da noite, usou vestido J. Mendel, joias Lorraine Schwartz e sapatpos Charlotte Olympia. E gostei o vestidos e da cor, ficaria bem bonito para madrinhas de casamento.

Margot Robbie é linda e pode usar qualquer coisa. O vestido Miu Miu é um tom de rosa paste, leve e bonito. Mas nós meras mortais, não usaríamos um vestido com plumas na parte da cintura, acrescentando volume numa região que sempre almejamos afinar. Lindo nela! Aliás toda linda, diga-se de passagem.

Allison Janney usou modelo de paetês e metalizado Yanina Couture. No vídeo era bem bonito e também gostei. E você?

Rolou coincidência fashion entre Allison Janney e Natalie Zea, que também usou vestido de mangas longas, com paetês e metalizado, na cor prata. Será tendência. Até gostei do vestido Ports 1961 e do decote nas costas.

Halle Berry usou modelo Pamella Roland e também gostei do vestido com sobressaia de tule. Tinha um movimento bem bonito e eu usaria. E vocês?

Nicole Kidman foi no bloco no time dos vestidos com paetês e até gostei do vestido Armani Privé. No vídeo estava bem mais bonito do que foto e amei o cabelo com o penteado baixo e lateralizado e o batom vermelho.

Reese Wirtherspoon usou vestido Zac Posen e achei um vestido ok. Sempre linda e correta, gostei do cabelo e da make up leve.

Kate Hudson foi ao tapete vermelho do SAG Awards 2018 acompanhada da mãe Goldie Hawn. A filha usou vestido Valentino, com renda e coraçõeszinhos preto, num fundo rosa. A maioria não gostou e a foto não faz jus a beleza desse vestido em movimento. Bem romântico, estilo que não é o dela, que sempre aposta no sexy. Gostei muito e usaria se tivesse pouco busto como ela, pois os babados nessa parte do vestido aumentam o volume dos seios.

A mulher está uma visão de tão linda!!!

Goldie Hawn foi com um vestido azul claro Monique Lhuillier Resort 2017 e achei bastante inspirador para convidadas e madrinhas de casamento ao ar livre, seja campo ou praia.

Lupita Nyong’o com vestido Ralph and Russo, que diria ser um dos mais lindos da noite. Amei o brilho, a cor e esse leve sereia com plumas na barra. Deu o toque de red carpet e drama que esperamos. 

Por fim, uma inspiração da demoiselles. Dakota Fanning usou vestido Prada, tomara que caia, cintura marcada, rosa clarinho. Vestido perfeito para as demoiselles, com aprovação de 80% das leitoras do blog (na enquete do stories) para as damas adultas. Até o coque donut no alto da cabeça está bem bailarina. Amei mesmo.

E aí gente? Foi decepcionante o tapete vermelho do Sag Awards 2018 ou dá pra salvar muita coisa? Me contem e votem nas enquetes do blog no stories do instagram.